A síndrome dos ovários policísticos pode comprometer a saúde mental

By: | Tags: | Comentários: 0 | Abril 13th, 2018

A depressão, ansiedade e transtorno bipolar estão todos associados à condição hormonal.

A síndrome dos ovários policísticos pode aumentar os riscos da mulher para alterações nas condições de saúde mental.

De acordo com Aled Rees e colaboradores, da Universidade de Cardiff no Reino Unido, quando comparamos com mulheres sem ovários policísticos, as com SOP (ovários policísticos) possuem maior prevalência de várias condições psiquiátricas, incluindo depressão (23,1% versus 19,3%), ansiedade (11,5% versus 9,3%), e desordem bipolar (3,2% versus 1,5%).

Igualmente, quando comparadas aos controles, em um modelo ajustado, mostrou que mulheres com SOP eram mais prováveis a desenvolver uma dessas condições mentais, que foi publicado no Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism:

 

  • Depressão: proporção de chance 1,26 (95% CI 1,19 a 1,32)
  • Ansiedade: proporção de chance 1,20 (95% IC 1,11 a 1,29)
  • Transtorno Bipolar: proporção de chance 1,21 (95% IC 1.03 a 1,42)
  • Transtornos alimentares: proporção de chance 1,37 (95% IC 1,05 to 1,81)

A relação com transtorno bipolar é verdadeira mesmo em uma análise sensitiva que excluía pacientes que tinham sido tratadas com Valproato. Entretanto, não houve associação no que se refere ao risco de autismo, déficit de atenção, transtorno hiperativo e esquizofrenia.

“Existem muitas razões porque as mulheres com SOP poderiam sofrer com depressão e ansiedade, incluindo as preocupações em relação ao peso, fertilidade, aumento dos pelos e distúrbios menstruais, entre outros.”

A análise incluiu 16.986 pacientes matriculadas na Clinical Practice Research Datalink no Reino Unido, diagnosticadas com SOP. Que foram comparadas com controles sem histórico de SOP, baseado na idade, IMC e cuidados primários de saúde. Mulheres com SOP tendem a ter mais consultas no atendimento primário, auto IMC e pressão alta.

Emu ma sub análise de crianças nascidas de pacientes com SOP e comparadas a controles – incluindo um total de 17.847 nascimentos – esses nascidos tiveram uma prevalência maior de transtornos de ansiedade (proporção de chance 1,64, 95% IC 1,16 a 2,33) e autismo (proporção de chance 1,54, 95% IC 1,12 e 2,11) comparado a crianças nascidas de mães sem a condição.

Conclusão, Rees recomenda que os serviços de saúde devam considerar um screening para saúde mental em separado na avaliação dessas pacientes.

“Mais pesquisas são necessárias para determinar quais componentes da síndrome poderia estar conduzindo a esse risco aumentado, e de fato se todas as pacientes com SOP possuem risco aumentado, ou somente algumas.”

Kristen Monaco, Staff Writer, MedPage Today Abril 10, 2018

You must be logged in to post a comment.

Fale Conosco
Agende uma consulta Fale com o Doutor Receba nossa Ligação